terça-feira, 24 de abril de 2012

Bancos reduzem taxas ao consumidor

Reprodução/Extra
Méritos para o governo, que de maneira inteligente, soube agir com habilidade para forçar algumas das grandes instituições financeiras desse país, à reduzirem suas taxas de juros. E olha que, mesmo assim, o ministro da Fazenda, Guido Mantega e os representantes do setor, trocaram algumas farpas nos últimos dias. Entretanto, o governo agiu com firmeza e pulso nesse sentido, forçando essas grandes instituições financeiras privadas, a exemplo do que já vinha fazendo o Banco do Brasil e a Caixa Econômica, à diminuírem as taxas de juros. É obvio que ainda é muito cedo para avaliarmos o resultado dessa medida, pelo menos no que diz respeito ao beneficio que a população pode ter, porém, contudo, quero crer, na boa intenção do governo e na sua firmeza nessa ação, que poderá resultar, caso se mantenha firme na sua posição, em uma boa medida nesse setor da nossa economia, sobretudo para a população de baixa renda. No entanto, a cautela nesse caso é sempre recomendável, principalmente quando nesse país os grandes interesses estão em jogo. Essa é a minha opinião.
Contato: detudoumpoucominhaopiniao@yahoo.com.br
Comentário(s)
4 Comentário(s)

4 comentários :

  1. É uma boa coisa para o povo, mas é melhor ainda para os patrões que trabalham com grandes linhas de crédito. Bom já é um começo né PCzão?

    Um abraço meu amigo e tenha uma ótima terça-feira!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Pc. Na verdade tudo faz parte de um jogo de interesses. Abaixam as taxas, para daqui a pouco aumentá-las novamente, às vezes até mais do que eram antes. Desculpe, Pc, acho que em relação ao financeiro do país ando meio incrédula mesmo. Aproveitemos enquanto os valores estão atrativos. Um abraço!

    ResponderExcluir
  3. Que tempos estamos vivendo né PC, quem diria, logo os bancos, que sempre primaram em acochar a população e enricarem através de taxas e juros pesados, bem, a baixa não foi muito, mas já é um bom começo, e indício de que os tempos estão mudando.

    E ai, curtiu esses dias de pausa, ou melhor, conseguiu colocar a agenda em ordem? Bom te ter de volta, abração pra ti e vamos que vamos.

    ResponderExcluir
  4. Penso que foi uma boa medida. Penso que se o governo português fizesse o mesmo decerto milhares de portugueses não teriam que " entregar aos bancos as casas que foram pagando durante anos com tanto sacrificio e que não conseguem com a actual crise continuar a pagar.
    Um abraço e se puder passe no Sexta. Hoje festeja-se em Portugal o dia da Liberdade conquistada na revolução de 74.

    ResponderExcluir

Gostou do blog? Volte sempre que desejar. Dúvidas, sugestões, críticas ou qualquer outro assunto, entre em contato: detudoumpoucominhaopinião@yahoo.com.br

Números telefônicos de utilidade pública no Brasil

  • Delegacias Regionais do Trabalho - 158
  • Informações sobre oferta de emprego (Sine) – 157
  • Serviço Municipal – 156
  • Serviço Estadual – 155
  • Detran – 154
  • Guarda Municipal – 153
  • Ibama – 152
  • Procon – 151
  • Vigilância Sanitária – 150
  • Justiça Eleitoral – 148
  • Governo Federal – 138
  • Transporte Público – 118
  • Energia Elétrica – 116
  • Água e Esgoto – 115
  • Serviços ofertados pelas prestadoras dos Serviços de Comunicação Eletrônica de Massa – 106
  • Serviços oferecidos por prestadoras de serviços móveis de interesse coletivo – 105
  • Serviços ofertados por prestadoras de serviço telefônico fixo – 103
  • Defesa Civil – 199
  • Polícia Rodoviária Estadual – 198
  • Polícia Civil – 197
  • Polícia Federal – 194
  • Corpo de Bombeiros – 193
  • Ambulância – 192
  • Polícia Rodoviária Federal – 191
  • Polícia Militar – 190
  • Disque- Denúncia – 181
  • Delegacias especializadas no atendimento à Mulher – 180
  • Serviços de Emergência no âmbito do Mercosul – 128
  • Secretaria dos Direitos Humanos - 100