segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Síria

Foto/ Reuters
Em meio aos horrores que tem ocorrido na Síria, o sumiço da jornalista japonesa Mika Yamamoto (foto) e seu colega Kazutaka Sato talvez possa ser mais um desses. Passei a ter essa sensação, assim que tomei conhecimento da notícia sobre o possível fim trágico que a jornalista e seu colega possam ter tido. Coloco as palavras dessa maneira por não haver uma confirmação do fato ainda. Entretanto, segundo afirmou o motorista sírio que conduziu a jornalista até a cidade de Aleppo, ela foi morta a tiros por milicianos leais ao presidente Bashar Al-Assad, isso depois de seguir rebeldes em uma missão de resgate de civis. O motorista que relatou o fato ocorrido à agência internacional de notícias Reuters (Click aqui para ir ao site), se identificou somente como Abdulrahman. É tudo muito triste e desolador o que tem sido noticiado sobre a Síria. Onde é que tudo isso vai parar e quando é que vai parar? Essa é a pergunta que todos fazem, porém, sem respostas.
Comentário(s)
3 Comentário(s)

3 comentários :

  1. Sempre a agressividade. A vida perdeu seu valor. Mudam-se os nomes: Síria / Rio de Janeiro / São Paulo / Egito / Espanha / Nova York... e por ai vai a coleção de barbáries mundiais!!
    [ ] Célia.

    ResponderExcluir
  2. OI PAULO CESAR!
    TRISTE MESMO.
    PARA QUE A GUERRA, NUMA ERA EM QUE O MUNDO FICOU TÃO PEQUENO DADA AS OPORTUNIDADES DE RELACIONAMENTO, ONDE TUDO PODERIA SER RESOLVIDO EM PAZ.
    ABRÇS

    zilanicelia.blogspot.com.br/
    Click AQUI

    ResponderExcluir
  3. Amigo Paulo César,
    A morte da jornalista japonesa é provável, no entanto, não será a última vítima inocente neste país em dissolução, pois não se ver uma solução urgente por parte dos países, membros da ONU.
    Neste momento, depreende-se que o homem é instintivo e não racional.

    Abraços.

    ResponderExcluir

Gostou do blog? Volte sempre que desejar. Dúvidas, sugestões, críticas ou qualquer outro assunto, entre em contato: detudoumpoucominhaopinião@yahoo.com.br

Números telefônicos de utilidade pública no Brasil

  • Delegacias Regionais do Trabalho - 158
  • Informações sobre oferta de emprego (Sine) – 157
  • Serviço Municipal – 156
  • Serviço Estadual – 155
  • Detran – 154
  • Guarda Municipal – 153
  • Ibama – 152
  • Procon – 151
  • Vigilância Sanitária – 150
  • Justiça Eleitoral – 148
  • Governo Federal – 138
  • Transporte Público – 118
  • Energia Elétrica – 116
  • Água e Esgoto – 115
  • Serviços ofertados pelas prestadoras dos Serviços de Comunicação Eletrônica de Massa – 106
  • Serviços oferecidos por prestadoras de serviços móveis de interesse coletivo – 105
  • Serviços ofertados por prestadoras de serviço telefônico fixo – 103
  • Defesa Civil – 199
  • Polícia Rodoviária Estadual – 198
  • Polícia Civil – 197
  • Polícia Federal – 194
  • Corpo de Bombeiros – 193
  • Ambulância – 192
  • Polícia Rodoviária Federal – 191
  • Polícia Militar – 190
  • Disque- Denúncia – 181
  • Delegacias especializadas no atendimento à Mulher – 180
  • Serviços de Emergência no âmbito do Mercosul – 128
  • Secretaria dos Direitos Humanos - 100