sexta-feira, 20 de junho de 2014

Ah, se o problema do Brasil fosse a Globo

Eu não faço parte do grupo de pessoas que metem o pau na Rede Globo como se a emissora fosse a desgraça desse país. Se o problema do Brasil fosse a Globo, meu entusiasmo em relação às mudanças que esse país tanto necessita para ser respeitado como nação e admirado por sua gente seria bem maior. É claro que a Globo age em muitas situações de acordo com o que lhe convém. Não há como negar isso. No entanto, é uma idiotice imaginar que só ela se comporta assim, uma vez que todas, sem exceção, se comportam de igual modo. Os veículos de comunicação no Brasil, aliás, não só no Brasil, por muitas vezes fazem a roda girar de acordo com seus interesses. A Rede Globo de Televisão em se tratando de engenharia técnica, capacidade profissional e estrutura, é a que melhor faz televisão no Brasil e na América Latina. É fato. Por isso é a emissora brasileira que faz parte de um seleto grupo que reúne as maiores emissoras do mundo, onde ela já é a segunda maior. Segunda maior rede de TV comercial do mundo. Até 2011, ela era a terceira maior, após uma nova análise, superou a americana CBS. A primeira colocada é a ABC, dos Estados Unidos. Os veículos de comunicação com a missão de informar e entreter, e aí, não me refiro só a Globo, ainda continuam a merecer o respeito da sociedade, mesmo com tudo que se pode contestar, e com toda razão, a respeito deles. Assim penso por entender que eles reverberam como nenhum outro meio o que vociferamos. Inclui-se aí o rádio também. Isso, claro, sem esquecer os demais. Na verdade, à sociedade, cabe o papel de saber discernir no momento em que recebe uma informação ou simplesmente um conteúdo de entretenimento, o que tem serventia para ela e o que é descartável, ou seja, aproveitar o que é bom e desprezar o que não presta. É assim que age uma sociedade inteligente no trato com aquele veículo de comunicação que se dispôs a informar e a entreter. Não há conteúdo ruim que resista ao crivo inteligente de uma gente consciente. Esta é a minha opinião.
Comentário(s)
4 Comentário(s)

4 comentários :

  1. Caro PC, é inegável que a Rede Globo é uma potência não só mundial, mas internacional na área de telecomunicações, mas o grande mal de nossa nação não é somente ela, mas é um conjunto de fatores que contribuem para que a nossa nação esteja nesta situação, no que tange à Globo, as outras emissoras também têm a sua parcela de culpa, pois todas elas vivem em prol do lucro, e não em prol de um compromisso de construir uma sociedade mais justa.

    Um grande abraço pra ti.

    ResponderExcluir
  2. Sonho com o dia em que o povo saia do subjugo de mentes prioritárias e passe com ética, cultura e sabedoria a se posicionar. Utopia? Talvez, mas só assim saberemos descartar o que não nos serve na mídia em geral.
    Abraço, PC.

    ResponderExcluir
  3. Concordo com vc Pczão! A pessoa é que tem que peneirar o que absorve dos meios de comunicação.
    Hahahahaha, o não só mundial, mas internacional do Chengão foi bom hein! Hahahahahahahaha.

    ResponderExcluir
  4. Costumo dizer que a Grobu é a doença mais contagiosa deste país.Infelizmente,a imprensa,de uma forma geral e covarde,influencia e muito o modo de pensar do povo brasileiro que,infelizmente(também),não possui discernimento,em sua grande maioria,para pensar de forma crítica e reflexiva.

    Beijão,PC!Dani.

    ResponderExcluir

Gostou do blog? Volte sempre que desejar. Dúvidas, sugestões, críticas ou qualquer outro assunto, entre em contato: detudoumpoucominhaopinião@yahoo.com.br

Números telefônicos de utilidade pública no Brasil

  • Delegacias Regionais do Trabalho - 158
  • Informações sobre oferta de emprego (Sine) – 157
  • Serviço Municipal – 156
  • Serviço Estadual – 155
  • Detran – 154
  • Guarda Municipal – 153
  • Ibama – 152
  • Procon – 151
  • Vigilância Sanitária – 150
  • Justiça Eleitoral – 148
  • Governo Federal – 138
  • Transporte Público – 118
  • Energia Elétrica – 116
  • Água e Esgoto – 115
  • Serviços ofertados pelas prestadoras dos Serviços de Comunicação Eletrônica de Massa – 106
  • Serviços oferecidos por prestadoras de serviços móveis de interesse coletivo – 105
  • Serviços ofertados por prestadoras de serviço telefônico fixo – 103
  • Defesa Civil – 199
  • Polícia Rodoviária Estadual – 198
  • Polícia Civil – 197
  • Polícia Federal – 194
  • Corpo de Bombeiros – 193
  • Ambulância – 192
  • Polícia Rodoviária Federal – 191
  • Polícia Militar – 190
  • Disque- Denúncia – 181
  • Delegacias especializadas no atendimento à Mulher – 180
  • Serviços de Emergência no âmbito do Mercosul – 128
  • Secretaria dos Direitos Humanos - 100