sexta-feira, 30 de março de 2012

Assistir televisão é atividade preferida do brasileiro; leitura está em 7º

De acordo com estudos feitos através da pesquisa Retratos da Leitura no Brasil e divulgado pelo Instituto Prô-Livro; assistir televisão segue sendo a atividade preferida de 85% dos brasileiros entrevistados. Já o número de brasileiros que aproveitam o tempo livre para ler caiu de 36% em 2007 para 28% em 2011. Ouvir música ou rádio, aparecem em segundo lugar como atividades preferidas no tempo livre de 52% dos entrevistados. Em seguida, na sequência aparecem, descansar (51%) e reunir-se com amigos e a família (44%). Cada entrevistado escolheu até cinco opções. Somente em sétimo lugar como atividades que o brasileiro mais gosta de fazer no seu tempo livre, aparece leitura. Ao citar leitura, não estou apenas me referindo aos livros, inclui-se, jornais, revistas e textos na internet, ou seja, a leitura de uma maneira geral. Ressaltando que, enquanto o percentual de entrevistados que declaram gostar de ler caiu, o grupo dos que aproveitam o tempo ocioso para acessar a Internet subiu, de 18% para 24% entre 2007 e 2011. A pesquisa ainda aponta que acessar as redes sociais é atividade frequente para 18% dos entrevistados. A principal razão apontada por aqueles que diminuíram o volume da leitura foi o desinteresse (78%), o que inclui a falta de tempo, a preferência por outras atividades e a "falta de paciência para ler". Apenas 4% apontaram a dificuldade de acesso aos livros como motivo para ler menos, o que inclui o preço do livro, a falta de bibliotecas perto de casa ou de livrarias. Os números dessa pesquisa, aqui reproduzidos, traçam de maneira bem acentuada o contato do brasileiro com a leitura. Penso eu, talvez com algumas diferenças, no tocante à leitura, ser esse, o que é lamentável, diga-se de passagem, um comportamento mundial na minha opinião.
Contato: detudoumpoucominhaopiniao@yahoo.com.br
Comentário(s)
6 Comentário(s)

6 comentários :

  1. Eis ai uma triste estatística PC, nós brasileiros lemos pouco, não há um incentivo maciço em prol da divulgação da leitura, é por isso que o analfabetismo ainda impera no Brasil, estamos atrás de países como a Coreia do Sul, um país muito mais pobre do que nós, mas que entendeu que a leitura e a educação é o caminho para o desenvolvimento.

    Um abração pra ti.

    ResponderExcluir
  2. Assistir Tv, é bom é otimo, isso quando a atração é de qualidade, digo isso no caso de programas sem conteúdo algum ou que estao na tv, só pra preencher um vaco na grade ou subestimar a nossa inteligência , acredito que a leitura seja mais desejada, mais atraente pelo simples fato de voce ter todo o trabalho para imaginar os personagens, os cenários, as ações tudo na sua mente, enfim. Diferente de assistir Tv que ja traz algo mastigado, em alguns casos agrada outros nao, sobre as redes sociais nao vou me pronunciar, sou suspeito.
    Acredito que o brasileiro esta desacostumado tendo tudo mastigado na tv, e esquecendo da dádiva da leitura isso independente do tipo da leitura ou do que esta sendo lido.
    Se voce aprendeu a ler leia, se voce nao sabe aprenda, nada se compara com a independência de voce escolher ler o que agrada, bem melhor do que depender de uma tv, que esta mais interessada na audiência e em faturamento. Grande abraço.

    ResponderExcluir
  3. Bom, eu sou suspeita pra falar e, provavelmente, entro na estatística, pelo menos dos que adooooram tv! Sou facinada pela telinha desde que me entendo por gente... primeiro em preto e branco... depois cheia de cores... ôooo maravilha de invenção!
    Acho que está na hora de abolirmos o preconceito em relação à tv. Tem muita coisa boa sendo veiculada através dela. Muito entretenimento legal e coisa que faz pensar.
    Por outro lado adoro ler, seja na internet, seja minhas revistas prediletas ou um bom livro de cabeceira.
    Enfim: viva à comunicação!!!!!!! Que nos possibilita tantas coisas boas para colorir a vida!

    ResponderExcluir
  4. Ler é libertar-se de opiniões pré-fabricadas, induzidas como em muitos programas de TV e/ou Rádio em geral. Quando leio formo minha opinião, viajo nas imagens e situações que crio, oportunizo-me de situações onde busco estratégias de soluções pessoais. Incríve, quando esporadicamente aparece em jornal televisivo, pessoas que dizem se sentir libertas, pois agora leem placas de ônibus, de ruas, e tantas outras "luzes" que se abriram com a alfabetização - ingrediente fundamental para a leitura e libertação do ser. Em um país, onde sistematicamente vemos livros e mais livors jogados no lixo... pode-se esperar o quê? Apenas, idiotizações!
    Bj. Célia.

    ResponderExcluir
  5. Oi, Pc! Leitura é uma questão de hábito. Eu não lia té uns 13 anos, mas de tanto meu irmão tirar sarro do meu português "chulé" acabei por começar, e não parei mais. Com o hábito a leitura torna-se dinâmica, podemos ler muito em pouco tempo. Leio até propagandas, rótulos...As pessoas preferem acomodar o cérebro em frente à tv, uma pena culturalmente falando. Um abraço!

    ResponderExcluir
  6. Concordo com a Bia quando ela diz que ler é "questão de hábito...sempre gostei de ler; já a minha irmã não gosta, ela só acessa a Internet, pois gosta de navegar, me diz que não tem muita paciência, e não gosta de escrever em seu blog, mas acompanha alguns, isso é bom também;
    Ah, podem dizer o que quiserem, mas eu gosto de ver TV...quando estou estressada, eu fico me distraindo com novelas, Zorra Total, etc
    Beijos, Paulo te gosto muito, viu. Boa noite e tenha um bom domingo.

    ResponderExcluir

Gostou do blog? Volte sempre que desejar. Dúvidas, sugestões, críticas ou qualquer outro assunto, entre em contato: detudoumpoucominhaopinião@yahoo.com.br

Números telefônicos de utilidade pública no Brasil

  • Delegacias Regionais do Trabalho - 158
  • Informações sobre oferta de emprego (Sine) – 157
  • Serviço Municipal – 156
  • Serviço Estadual – 155
  • Detran – 154
  • Guarda Municipal – 153
  • Ibama – 152
  • Procon – 151
  • Vigilância Sanitária – 150
  • Justiça Eleitoral – 148
  • Governo Federal – 138
  • Transporte Público – 118
  • Energia Elétrica – 116
  • Água e Esgoto – 115
  • Serviços ofertados pelas prestadoras dos Serviços de Comunicação Eletrônica de Massa – 106
  • Serviços oferecidos por prestadoras de serviços móveis de interesse coletivo – 105
  • Serviços ofertados por prestadoras de serviço telefônico fixo – 103
  • Defesa Civil – 199
  • Polícia Rodoviária Estadual – 198
  • Polícia Civil – 197
  • Polícia Federal – 194
  • Corpo de Bombeiros – 193
  • Ambulância – 192
  • Polícia Rodoviária Federal – 191
  • Polícia Militar – 190
  • Disque- Denúncia – 181
  • Delegacias especializadas no atendimento à Mulher – 180
  • Serviços de Emergência no âmbito do Mercosul – 128
  • Secretaria dos Direitos Humanos - 100