sexta-feira, 14 de outubro de 2011

A importância dos números telefônicos de emergência

É inacreditável e inaceitável, mas pasmem vocês, uma ferramenta tão importante em casos emergenciais, é vítima constante de brincadeiras inconsequentes e irresponsáveis. O número telefônico de emergência 190 da Policia Militar e 193 do Corpo de Bombeiros, sofrem com os trotes.
Um tipo de comportamento que tem causado grandes transtornos aos profissionais que lidam com as mais diversas chamadas emergenciais no dia a dia de nosso país, principalmente nas grandes cidades. Aqui, cito um exemplo especial desse serviço, um caso que aconteceu no município de Ribeirão Preto SP, onde um bebê foi salvo por um soldado pelo 190, telefone de emergência da Polícia Militar, depois de ter, se engasgado. A Mãe, desesperada, ligou para o serviço de emergência e recebeu orientações de procedimentos que salvou o bebê. O policial tentou manter a Mãe calma, enquanto passava as orientações. Ela recebia as orientações do policial e repassava-as ao marido que tinha o bebê no colo e executava os procedimentos de socorro à criança. Embora o áudio num certo momento nos cause aflição pelo desespero da Mãe, o seu final mostra a importância desse serviço. Talvez, exemplos desse tipo, desperte a consciência daqueles que acessam o número de emergência tão somente com a tola e imbecil motivação do trote. Ouça aqui esse fato real e dramático, porém, com final feliz
Comentário(s)
6 Comentário(s)

6 comentários :

  1. Esses serviços são essenciais, visto que são profissionais que estão prontos para socorrer a população. Ao mesmo tempo em que são vitais, o que me entristece é o fato de que algums maus elementos brincam com isso, passando trotes, onde não há condições de serem localizados, pois o fazem de telefones públicos.

    E essa gravação ai é um belo exemplo de que a coisa funciona muito bem.

    Um abração pra ti.

    ResponderExcluir
  2. Gostei do post, já tinha visto na TV o relato do soldado orientando a mãe... impressionante!
    Esses serviços merecem os nossos aplausos.
    Abraços, estive um tempinho ausente, por motivo de saúde.
    Beijo da Mery*

    ResponderExcluir
  3. Também aí? Cá em Portugal também há imensos
    abusos com os números de emergência.E quando
    precisamos perdemos tanto tempo a responder
    a perguntas,que por vezes não salvamos
    quem podia se salvo.
    Bom fim de semana amigo.Bj

    ResponderExcluir
  4. É maravilhosa a prestação de serviços oferecida através desses telefones. Infelizmente, o espírito destrutivo de alguns acaba prejudicando quem precisa, urgentemente, de auxílio.

    Bjs.

    ResponderExcluir
  5. Paulo, tudo bem amigo?
    Uma pouca vergonha, isso sim! Que as pessoas façam brincadeirinhas ocupando um meio de comunicação tão importante como essas linhas, e ainda por cima, com a possibilidade de desviar o profissional de uma verdadeira emergência.

    Beijos e ótimo fim de semana! Obrigada pela participação por lá Sr. Flamengo! rsrs

    ResponderExcluir
  6. Olá Paulo,
    É uma irresponsabilidade, eis que se trata de serviços emergenciais disponibilizados para socorrer a população. Em virtude desses abusos, os que realmente necessitam podem sair prejudicados.
    UM ABSURDO!
    Grande abraço.

    ResponderExcluir

Gostou do blog? Volte sempre que desejar. Dúvidas, sugestões, críticas ou qualquer outro assunto, entre em contato: detudoumpoucominhaopinião@yahoo.com.br

Números telefônicos de utilidade pública no Brasil

  • Delegacias Regionais do Trabalho - 158
  • Informações sobre oferta de emprego (Sine) – 157
  • Serviço Municipal – 156
  • Serviço Estadual – 155
  • Detran – 154
  • Guarda Municipal – 153
  • Ibama – 152
  • Procon – 151
  • Vigilância Sanitária – 150
  • Justiça Eleitoral – 148
  • Governo Federal – 138
  • Transporte Público – 118
  • Energia Elétrica – 116
  • Água e Esgoto – 115
  • Serviços ofertados pelas prestadoras dos Serviços de Comunicação Eletrônica de Massa – 106
  • Serviços oferecidos por prestadoras de serviços móveis de interesse coletivo – 105
  • Serviços ofertados por prestadoras de serviço telefônico fixo – 103
  • Defesa Civil – 199
  • Polícia Rodoviária Estadual – 198
  • Polícia Civil – 197
  • Polícia Federal – 194
  • Corpo de Bombeiros – 193
  • Ambulância – 192
  • Polícia Rodoviária Federal – 191
  • Polícia Militar – 190
  • Disque- Denúncia – 181
  • Delegacias especializadas no atendimento à Mulher – 180
  • Serviços de Emergência no âmbito do Mercosul – 128
  • Secretaria dos Direitos Humanos - 100