segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

GREVE DOS AEROVIÁRIOS

Uma semana preocupante, se realmente acontecer, como tudo leva crer que sim, a greve dos aeroviários. Essa greve, marcada para o dia 23/12, quinta-feira, trará grandes problemas nos aeroportos brasileiros. Na reunião acontecida no dia 15/12, no Rio de Janeiro, representantes do sindicato nacional das empresas aeroviárias, não chegaram a um acordo sobre o percentual de reajuste salarial. Por esta razão, a categoria estará em greve no dia 23, antevéspera de natal. Muita gente não poderá viajar para passar o natal com familiares mais distantes e até mesmo, se programar para o final de ano. Muito que fatalmente, o número de passageiros que optarão por viajar de ônibus, será bastante elevado, sobrecarregando as rodoviárias, que certamente, terão que disponibilizar ônibus extras. Acredito também, que muitos anteciparão suas viagens, procurando viajar, entre segunda (hoje), terça ou quarta-feira. Imaginem o tumulto que poderá ocorrer, caso essa possibilidade se confirme. Mais uma vez, no meio do fogo cruzado, entre interesses de classes trabalhadoras e seus patrões, está o povo. Tomará, que até antes do início dessa greve, marcada para quinta-feira, patrões e trabalhadores cheguem a um acordo, só assim poderemos ter um natal e um final de ano, sem problemas na aviação brasileira e por consequência nas estradas, já que o aumento de automóveis aumentará consideravelmente, em virtude dessa paralização dos aeroviários. Aguardemos as cenas dos próximos capítulos dessa novela da vida real. "Brasil, mostra a sua cara, quero ver quem paga pra gente viver assim". Cazuza Assim disse, em uma de suas músicas. Frase que se encaixa perfeitamente para esse momento.
Comentário(s)
6 Comentário(s)

6 comentários :

  1. Realmente esta é uma situação complicadíssima, pois ao mesmo tempo que prejudica muito a população, a greve é resultado da insatisfação dos aeroviários, que também fazem parte do povo. Ou seja, os dois lados sofrem com isso. O povo tem o direito de ir e vir, e os aeroviários têm o direito de reivindicarem melhores condições de emprego. É um círculo vicioso!
    O vilão dessa história toda? O governo, claro, que tem motorista e jatinho particular !
    Mt bom texto!

    ResponderExcluir
  2. realmente esses cara são muito malandro, eles sabem que agora vai prejudicar muitas pessoas, por isso ficaram de greve agora...

    ResponderExcluir
  3. sorte que eu não vou voar esse ano rssrs....
    mas esta um absurdo mesmo...não esquecendo que a proxima copa e aqui...

    ResponderExcluir
  4. Qualquer tipo de greve causa agitação e stresse...mas, nesta, o caos será em dobro, afinal será as vesperas do natal. É mta palhaçada! Muitas pessoas sairão prejudicadas =/

    Um forte abraço, meu caro.
    Me visita tb? ;)

    www.nicellealmeida.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Vive na pele aquela situação de anos atrás do caos aéreo e espero nunca mais passar por aquilo de novo

    ResponderExcluir
  6. Oi Paulo.....
    greve é um saco, ainda mais nessa época, final de ano, todos querendo ir viajar, e ter que suportar uma paralisação não é fácil. mais sabemos também, q a greve é o sinal de insatisfação por meio dos trabalhadores.
    nesse país, só almentam salário de deputados, que foi pra 26000.
    da população não......
    obrigada pelos comentários no meu blog, volte sempre!
    abraços.

    ResponderExcluir

Gostou do blog? Volte sempre que desejar. Dúvidas, sugestões, críticas ou qualquer outro assunto, entre em contato: detudoumpoucominhaopinião@yahoo.com.br

Números telefônicos de utilidade pública no Brasil

  • Delegacias Regionais do Trabalho - 158
  • Informações sobre oferta de emprego (Sine) – 157
  • Serviço Municipal – 156
  • Serviço Estadual – 155
  • Detran – 154
  • Guarda Municipal – 153
  • Ibama – 152
  • Procon – 151
  • Vigilância Sanitária – 150
  • Justiça Eleitoral – 148
  • Governo Federal – 138
  • Transporte Público – 118
  • Energia Elétrica – 116
  • Água e Esgoto – 115
  • Serviços ofertados pelas prestadoras dos Serviços de Comunicação Eletrônica de Massa – 106
  • Serviços oferecidos por prestadoras de serviços móveis de interesse coletivo – 105
  • Serviços ofertados por prestadoras de serviço telefônico fixo – 103
  • Defesa Civil – 199
  • Polícia Rodoviária Estadual – 198
  • Polícia Civil – 197
  • Polícia Federal – 194
  • Corpo de Bombeiros – 193
  • Ambulância – 192
  • Polícia Rodoviária Federal – 191
  • Polícia Militar – 190
  • Disque- Denúncia – 181
  • Delegacias especializadas no atendimento à Mulher – 180
  • Serviços de Emergência no âmbito do Mercosul – 128
  • Secretaria dos Direitos Humanos - 100