terça-feira, 28 de dezembro de 2010

UMA MÃE OU UM MONSTRO?

A notícia me deixou bastante estarrecido e indignado. Creio tenha deixado quem, assim como eu, acompanhou também. Como foi noticiado pela imprensa, e aqui faço um pequeno resumo, caso o fato tenha passado desapercebido para alguém. Pois bem. Esse fato triste e revoltante, aconteceu em Belém. Uma criancinha, recém-nascido, foi jogada fora pela Mãe. Se é que posso chamar isso de Mãe. Afinal, Mãe é algo tão sublime e divino, que é totalmente inverso a qualquer prática de maldade. Essa mulher jogou esse ser indefeso, por cima de um muro de quase 2 metros de altura. Ficando ali, horas e horas, até ser encontrada. No conselho tutelar, ela, que tem 20 anos de idade, contou que a criança nasceu por volta das 20:30, do dia 24, véspera de Natal. Depois disso, colocou a criança num saco de supermercado, subiu no muro e soltou o saco com a criança no quintal do vizinho. É de causar indignação, revolta e até raiva, pra não dizer outra coisa, diante de tamanha brutalidade humana. Detalhe, no conselho tutelar, ela se disse arrependida. Disse que fez o parto sozinha. A gravides vinha sendo escondida da família, segundo ela. Eu sei que você que é Mãe, deve está tão revoltada quanto eu ou até mais. Essa mulher, tava preparada pra ser Mãe? Claro que não. E o Pai, quem sabe? Muito que provavelmente, tão ou mais despreparado que ela. É uma Mãe ou um monstro? Sinceramente, me falta adjetivos, os piores possíveis, para um ser, com tamanha brutalidade humana. Quis uma força, maior que a força dessa maldade, que essa criança fosse encontrada viva, e apesar de tudo, com saúde. Certamente, o primeiro presente de Natal da vida dessa criança foi esse, ser salva. Esse serzinho indefeso, foi justamente encontrado no dia 25, no dia de Natal.
Comentário(s)
4 Comentário(s)

4 comentários :

  1. Essas atrocidades tem acontecido com frequência. É absurdo esse tipo de atitude.

    ResponderExcluir
  2. nossa, nem me lembre dessa absurdo. eu não consigo entender pessoas assim.

    ResponderExcluir
  3. nossa.. essa mulher ainda é daqui da minha cidade , esses absurdos ocorrem e quase sempre não tem uma punição, pois os culpados são dados como ''loucos''.. Hoje em dia ser louco vem com uma bagagem de que tem o poder de cometer qualquer crime e ser internado em uma clinica psiquiatrica. Acima disso, te desejo um feliz ano novo!

    ResponderExcluir
  4. eu custo a acreditar nessas atrocidades!

    ResponderExcluir

Gostou do blog? Volte sempre que desejar. Dúvidas, sugestões, críticas ou qualquer outro assunto, entre em contato: detudoumpoucominhaopinião@yahoo.com.br

Números telefônicos de utilidade pública no Brasil

  • Delegacias Regionais do Trabalho - 158
  • Informações sobre oferta de emprego (Sine) – 157
  • Serviço Municipal – 156
  • Serviço Estadual – 155
  • Detran – 154
  • Guarda Municipal – 153
  • Ibama – 152
  • Procon – 151
  • Vigilância Sanitária – 150
  • Justiça Eleitoral – 148
  • Governo Federal – 138
  • Transporte Público – 118
  • Energia Elétrica – 116
  • Água e Esgoto – 115
  • Serviços ofertados pelas prestadoras dos Serviços de Comunicação Eletrônica de Massa – 106
  • Serviços oferecidos por prestadoras de serviços móveis de interesse coletivo – 105
  • Serviços ofertados por prestadoras de serviço telefônico fixo – 103
  • Defesa Civil – 199
  • Polícia Rodoviária Estadual – 198
  • Polícia Civil – 197
  • Polícia Federal – 194
  • Corpo de Bombeiros – 193
  • Ambulância – 192
  • Polícia Rodoviária Federal – 191
  • Polícia Militar – 190
  • Disque- Denúncia – 181
  • Delegacias especializadas no atendimento à Mulher – 180
  • Serviços de Emergência no âmbito do Mercosul – 128
  • Secretaria dos Direitos Humanos - 100