domingo, 8 de maio de 2011

Marcha pela maconha reúne cerca de 5 mil pessoas no Rio

FOTO: O GLOBO
Uma passeata reuniu aproximadamente 5 mil pessoas no bairro de Ipanema, zona sul da capital fluminense nesse sábado (07/05). Vocês certamente pensariam, deve ser algum protesto contra os maus políticos, o preço das passagens de ônibus, as péssimas condições da saúde pública no Brasil ou quem sabe, uma passeata do movimento LGBT (lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transsexuais) comemorando o resultado da aprovação da união entre casais do mesmo sexo. Na realidade a passeata de ontem (07/05) no Rio, foi a 8° Marcha pela Legalização da Maconha. Isso mesmo, essa já é a 8°. A manifestação foi realizada com autorização de uma ordem judicial que permitia a passeata, com algumas restrições, os participantes não poderiam utilizar ou incentivar o uso de qualquer substância ilícita. Entre os participantes da marcha estavam, o músico Tico Santa Cruz, vocalista da banda Detonautas e o ex-ministro e atual secretário do Ambiente do Rio, Carlos Minc. Três jovens foram presos. Policiais usaram spray de pimenta para conter os ânimos durante uma confusão. O motivo teria sido um adesivo favorável à descriminalização da cannabis sativa (maconha) colocada por um jovem em uma motocicleta da PM. Em São Paulo a marcha ta marcada para o dia 21 deste mês. Por sinal, a policia prendeu na capital paulista, também neste sábado (07/05), Três jovens no vão livre do Masp, na Avenida Paulista. Eles eram suspeitos de fazerem apologia às drogas, segundo a Polícia Militar. Os jovens carregavam cartazes convocando as pessoas a participar da Marcha da Maconha, que pede a legalização da droga, marcada para o dia 21 deste mês em São Paulo. Neste sábado além do Rio de Janeiro, a marcha da maconha foi realizada em Belo Horizonte (MG) e em Vitória (ES).
A nossa homenagem nesse dia as Mães do Brasil. O seu dia é todo dia.
Comentário(s)
4 Comentário(s)

4 comentários :

  1. Sou a favor da legalização da maconha, mas acho que deveriam fazer protestos por causas melhores...
    Obrigada pela visita!
    Abraço!

    http://artegrotesca.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Agradeço Paulo, quando escrevo tento mostrar o sentimento e fazer as pessoas sentir. Sou moderador do Blog SÉCULO XXI e autor do Texto a que fiz para uma pessoa muito especial "Minha Namorada". Grande Abraço Paulo seu Blog é muito Bom... Segui ai o Meu nyllsonoliveira.blogspot.com

    Nyllson Oliveira

    ResponderExcluir
  3. Olha,eu não tenho um mínimo resquício de preconceito comigo,mas..sou contra a legalização de qualquer droga que seja.Definitivamemente,o Brasil,não precisa de manifestações desses tipo.É nessa hora que os digníssimos políticos deveriam se manifestar ao invés de falarem taaaaantas bobagens.Mas,respeito a manifestação,pois graças a Deus somos um País democrático.
    Agora"marcha da maconha"?O nome em si já é uma piada,né?O povo tem mais que fazer do que aderir a uma campanha dessas que não acrescenta em nada ao nosso Brasil,aos nossos jovens(e eu me incluo)pelo contrário,acho que é uma afronta à família brasileira.
    Bjs,PC!Ótima semana para ti.

    ResponderExcluir
  4. É no mínimo estranho ;x

    Boa semana! :)

    ResponderExcluir

Gostou do blog? Volte sempre que desejar. Dúvidas, sugestões, críticas ou qualquer outro assunto, entre em contato: detudoumpoucominhaopinião@yahoo.com.br

Números telefônicos de utilidade pública no Brasil

  • Delegacias Regionais do Trabalho - 158
  • Informações sobre oferta de emprego (Sine) – 157
  • Serviço Municipal – 156
  • Serviço Estadual – 155
  • Detran – 154
  • Guarda Municipal – 153
  • Ibama – 152
  • Procon – 151
  • Vigilância Sanitária – 150
  • Justiça Eleitoral – 148
  • Governo Federal – 138
  • Transporte Público – 118
  • Energia Elétrica – 116
  • Água e Esgoto – 115
  • Serviços ofertados pelas prestadoras dos Serviços de Comunicação Eletrônica de Massa – 106
  • Serviços oferecidos por prestadoras de serviços móveis de interesse coletivo – 105
  • Serviços ofertados por prestadoras de serviço telefônico fixo – 103
  • Defesa Civil – 199
  • Polícia Rodoviária Estadual – 198
  • Polícia Civil – 197
  • Polícia Federal – 194
  • Corpo de Bombeiros – 193
  • Ambulância – 192
  • Polícia Rodoviária Federal – 191
  • Polícia Militar – 190
  • Disque- Denúncia – 181
  • Delegacias especializadas no atendimento à Mulher – 180
  • Serviços de Emergência no âmbito do Mercosul – 128
  • Secretaria dos Direitos Humanos - 100