segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Pará pode ser dividido e surgir dois novos Estados

Muito em breve o país poderá ganhas mais dois Estados. É simples explicar, esse fato ocorrerá, caso a população do Pará se mostre favorável a divisão do mesmo em três Estados. Assim o país poderá ter dois novos Estados a partir da divisão do Pará. Os dois novos Estados brasileiros seriam, Carajás e Tapajós. O plebiscito ficou aprovado pelo Congresso Nacional no mês de maio. Se a população aprovar essa divisão nas urnas, Carajás terá 39 municípios e 1,6 milhão de habitantes. Já Tapajós, ficará com 27 municípios e 1,2 milhão de habitantes. O novo Estado do Pará ficaria com 78 municípios e 4,6 milhões de habitantes. Dessa maneira teremos, em aprovado pela população, a divisão do Pará em três Estados. A aprovação do plebiscito sobre a divisão do Pará em outros dois estados, Tapajós e Carajás deu início a uma correria nos cartórios eleitorais do Estado. O Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE) já registrou mais de 18,3 mil pedidos de mudança do domicílio eleitoral. Isso prova que esse plebiscito vem mobilizando a população em torno desse assunto. Eu só espero que essa divisão, caso ocorra, possa de alguma forma trazer benefícios para a população, do contrário, nenhuma mudança terá sentido se com ela não vier benefícios para a população. Essa é a minha opinião.
Mapa ilustrado- Folha.com
Comentário(s)
14 Comentário(s)

14 comentários :

  1. É aquela 'coisa' nosso pais esta com tudo no lugar, nao precisamos nos preocupar com a saúde pública, com a situação financeira em que ele se encontra e outros motivos ... Desculpe a minha ignorância em nao me aprofundar nesse tema, mas um dia desses eu vi uma matéria na tv, e essa divisão para criar um novo esto, deve ser pra arrecadar mais impostos, nao? Grande abraço .

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Fogo! Tanto estado! Acho que como está tá muito bom! Bem mas se eles querem, pronto!

    Grande Abraço!

    ResponderExcluir
  5. mais uma coisa futil..mais um estado para requerer orçamentos e mais impostos com certeza !

    ResponderExcluir
  6. Oi Paulo, meu amigo, tudo bem?
    Hummm... isso tá me parecendo enrolação...
    Quanto mais estados, mais ficamos no Brasil, num "estado de miséria"!

    Meu amigo, muito obrigada pelo comentário emocionante lá no meu blog e no do Bento. Foi um fato que mexeu bastante comigo. E fostes uma voz perfeita no meio da tempestade.
    Obrigada, de coração!

    ResponderExcluir
  7. Pode ser que, com uma administração descentralizada, os recursos venham a ser melhor administrados. Como estou na ala dos pessimistas, em termos de posições governamentais, tenho sempre mais desconfianças que crédito.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  8. Oi Paulo!

    Caramba, eu não sabia disso! 0.0 Mas será que realmente vai resolver alguma coisa ou só vai piorar a situação?

    Olha eu não fiquei sabendo dessa notícia sobre esses cosplayers não! Soube que em anos anteriores uma dupla de irmãos também levou o prêmio de melhor do mundo no Japão, mas eram personagens diferentes e eu não sei se eram os mesmos irmãos. Lembro que vi esses cosplayers da notícia em uma matéria na tv...são realmente muito bons e mereceram. Olha aí o Brasil se destacando nos cosplays! Mas eu ainda sou fã dos Europeus quando fazem cosplays de personagens com temática medieval/ vitoriana. Obrigada por compartilhar no blog tal notícia!
    Bjs e uma excelente semana pra vc!

    http://www.empadinhafrita.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Concordo com você, Paulo.
    Alterações que venham beneficiar serão sempre bem vindas.
    Mas a verdade é que desconhecemos o real sentido
    desta Divisão. Como a questão será submetida ao povo através de um plebiscito, cabe à
    população do Pará estudar a questão e fazer a
    melhor escolha.
    Abração.

    ResponderExcluir
  10. Pior para os alunos das escolas, ter q aprender outra geográfia ;D
    Mas não acho q essa medida resolverá os problemas desses lugares. Só irá gerar mais gastos com vereadores, prefeitos e funcionários públicos.
    O governo deve aprender administrar bem os estados q já tem não criar outros. Isso certamente criará novos problemas e não resolverá os antigos.
    Grande abraço PC

    ResponderExcluir
  11. Se for para a melhoria da população desses novos estados, para ver pessoas com qualidade de vida digna,será muito bom.

    Meu querido, estava com saudades desse seu cantinho,do seu carinho...é muito bom passar por aqui é ficar bem informada.
    Felicidades é muito sucesso para você viu!
    Beijos querido. Fica com deus.

    ResponderExcluir
  12. Não resolverá problema algum,pelo contrário,será apenas vários currais eleitorais a mais no país.Os políticos locais devem estar nas nuvens,hein?
    Beijão,PC!Dani.

    ResponderExcluir
  13. http://www.facebook.com/groups/223986687634233/?notif_t=group_activity

    ResponderExcluir
  14. Acompanhe em nosso grupo de discussão no face.

    ResponderExcluir

Gostou do blog? Volte sempre que desejar. Dúvidas, sugestões, críticas ou qualquer outro assunto, entre em contato: detudoumpoucominhaopinião@yahoo.com.br

Números telefônicos de utilidade pública no Brasil

  • Delegacias Regionais do Trabalho - 158
  • Informações sobre oferta de emprego (Sine) – 157
  • Serviço Municipal – 156
  • Serviço Estadual – 155
  • Detran – 154
  • Guarda Municipal – 153
  • Ibama – 152
  • Procon – 151
  • Vigilância Sanitária – 150
  • Justiça Eleitoral – 148
  • Governo Federal – 138
  • Transporte Público – 118
  • Energia Elétrica – 116
  • Água e Esgoto – 115
  • Serviços ofertados pelas prestadoras dos Serviços de Comunicação Eletrônica de Massa – 106
  • Serviços oferecidos por prestadoras de serviços móveis de interesse coletivo – 105
  • Serviços ofertados por prestadoras de serviço telefônico fixo – 103
  • Defesa Civil – 199
  • Polícia Rodoviária Estadual – 198
  • Polícia Civil – 197
  • Polícia Federal – 194
  • Corpo de Bombeiros – 193
  • Ambulância – 192
  • Polícia Rodoviária Federal – 191
  • Polícia Militar – 190
  • Disque- Denúncia – 181
  • Delegacias especializadas no atendimento à Mulher – 180
  • Serviços de Emergência no âmbito do Mercosul – 128
  • Secretaria dos Direitos Humanos - 100