terça-feira, 6 de março de 2012

Tiago Abravanel, neto de Silvio Santos, revive Tim Maia, agora em São Paulo

Tiago Abravanel, ator de um talento indiscutível, é incontestavelmente o maior talento que um musical brasileiro fez surgir para o nosso teatro nos últimos tempos. Detalhe: esse rapaz em nenhum momento precisou explorar o fato de ser neto de uma das maiores lendas vivas da televisão brasileira, Silvio Santos, para fazer resplandecer em si, sua própria luz.
Foto iG: Fabrizia Granatieri
Tiago também não precisou nem mesmo dos holofotes da emissora do avô; a luz que lhe conduziu à fama, é fruto de seu próprio talento. O surgimento para o estrelato começou no dia 08 de agosto do ano passado, quando no Rio de Janeiro, por coincidência, cidade natal do seu avô e onde o próprio Silvio Santos começou sua caminhada, Tiago reviveu no espetáculo "Tim Maia - Vale Tudo", toda genialidade e trajetória de um dos artistas mais emblemáticos de nossa música. Era quase impossível para quem assistisse ao musical, sair de lá sem ver quem não derramasse uma lagrima; tamanha era a emoção que a interpretação do ator no papel de Tim Maia provocava no público. E assim foi por sete meses, 126 apresentações e um público superior a 100 mil pessoas. Agora, o espetáculo dirigido por João Fonseca e baseado no livro de Nelson Motta, que acompanha a vida do cantor, morto em 1998, dos 12 aos 55 anos, chega a São Paulo. A estreia acontecerá no dia 9 de março, sexta-feira, no teatro Procópio Ferreira. Tenho comigo a mais absoluta convicção, que o sucesso do espetáculo no Rio se repetirá também na capital paulista. Quem viver verá. Essa é a minha opinião.
Mais sobre Tiago Abravanel
Contato: detudoumpoucominhaopiniao@yahoo.com.br
Comentário(s)
4 Comentário(s)

4 comentários :

  1. Admiro e muito pessoas que descartam apresentações por ser "filho (ou parente em qualquer escala da árvore genealógica) de alguém famoso..." Ao contrário se faz por esforço, por talento, inspiração e muita transpiração próprias!
    Abraço, Paulo César!
    Célia.

    ResponderExcluir
  2. Oi, PC! Eu fiquei em dúvida se ele era neto do Sílvio Santos justamente porque ele não usou o sobrenome famoso para se promover, isso é bem legal. Um abraço!

    ResponderExcluir
  3. Olá, amigo Paulo!

    Tiago realmente não precisa de brilho alheio, pois se vê que tem luz própria.
    Para interpretar a música e os trejeitos de Tim, somente quem é detentor de grande talento.


    Abraços!

    ResponderExcluir
  4. É fácil ter talento sendo neto de Silvio Santos... Difícil é ter talento e nunca ter podido, frequentar uma escola, ter um prof. de canto, de dança... Não precisar trabalha para lapidar seu talento... Ser convidado por que tem talento... Que bobagem!!! Os filhos dos artistas ricos e famosos viraram todos cantores, atores... Haja talento no Brasil!!!! E ainda tem gente que acredita em papai noel.

    ResponderExcluir

Gostou do blog? Volte sempre que desejar. Dúvidas, sugestões, críticas ou qualquer outro assunto, entre em contato: detudoumpoucominhaopinião@yahoo.com.br

Números telefônicos de utilidade pública no Brasil

  • Delegacias Regionais do Trabalho - 158
  • Informações sobre oferta de emprego (Sine) – 157
  • Serviço Municipal – 156
  • Serviço Estadual – 155
  • Detran – 154
  • Guarda Municipal – 153
  • Ibama – 152
  • Procon – 151
  • Vigilância Sanitária – 150
  • Justiça Eleitoral – 148
  • Governo Federal – 138
  • Transporte Público – 118
  • Energia Elétrica – 116
  • Água e Esgoto – 115
  • Serviços ofertados pelas prestadoras dos Serviços de Comunicação Eletrônica de Massa – 106
  • Serviços oferecidos por prestadoras de serviços móveis de interesse coletivo – 105
  • Serviços ofertados por prestadoras de serviço telefônico fixo – 103
  • Defesa Civil – 199
  • Polícia Rodoviária Estadual – 198
  • Polícia Civil – 197
  • Polícia Federal – 194
  • Corpo de Bombeiros – 193
  • Ambulância – 192
  • Polícia Rodoviária Federal – 191
  • Polícia Militar – 190
  • Disque- Denúncia – 181
  • Delegacias especializadas no atendimento à Mulher – 180
  • Serviços de Emergência no âmbito do Mercosul – 128
  • Secretaria dos Direitos Humanos - 100