quarta-feira, 27 de julho de 2011

Salvador também vive o drama dos grandes congestionamentos

Foto: Correio da Bahia
Salvador, a capital de todos os baianos vem sofrendo com o mesmo problema que a muito tira a paz de cariocas e paulistanos, principalmente, o drama dos grandes congestionamentos com o transito caótico do dia-dia. Reportagem realizada pelo Correio da Bahia através do repórter, Luiz Francisco aborda detalhadamente a realidade do trânsito da capital Soteropolitana. Essa realidade, guardadas as devidas proporções não é diferente daquilo que acompanhamos no dia-dia de uma cidade como São Paulo ou Rio de Janeiro. A falta de planejamento na mobilidade urbana e investimentos em transportes de massa, contribui em muito para o agravamento desse problema. População cada vez maior, aumento no número de pessoas com automóveis e motos e ainda a inércia do poder público, faz com que o problema se agrave cada vez mais. Salvador, segundo publicação do Correio da Bahia que destaca dados do Detran, tinha em 2005, 521.563 veículos cadastrados. Em 2011 esse número subiu para 748.350 veículos, ou seja, 43,4% a mais. O número de motos, segundo destaca a mesma publicação é ainda mais impressionante, subiu de 40.089 motos para 87.958. Um aumento de 119,4%, isso no mesmo período. A tendência é piorar mais ainda, principalmente se analisarmos outros fatores, como: aumento da renda da população e a forte migração. Aproximadamente, 60 mil pessoas todos os anos escolhem Salvador para morar. Elas procuram além de emprego, uma melhor qualidade de vida. Eu não vejo, pelo menos a curto prazo, nenhuma solução que possa se apresentar como eficaz na questão da mobilidade urbana das nossas grandes cidades. Eu só sei que teremos os dois maiores eventos esportivos do mundo no Brasil nos próximos anos e a realidade atual muito me assusta. O Brasil além de enfrentar o forte congestionamento em terra, ainda poderá ter um verdadeiro congestionamento aéreo. Aí será o caos total. É preocupante o cenário atual, e mais ainda o horizonte que vislumbramos.
Fonte: Correio da Bahia
Comentário(s)
6 Comentário(s)

6 comentários :

  1. Paulo, isso não é só problema de Salvador, mas Recife deve ser mais problemático do que Salvador, é muito carro nas ruas e a malha rodoviária continua sem condições para suportar tamanho fluxo de carros, e também as pessoas não procuram alternativas como a bicicleta. Eu vou para o meu trabalho de bike, como já praticava ciclismo, aproveitei para usar a bike para ir trabalhar, gasto menos tempo para chegar e economizo passagem, fora a saúde que dá uma qualidade.

    Abração pra ti.

    ResponderExcluir
  2. Fala PC,
    A situação do trânsito nas grandes cidades brasileiras está insuportável. Recentemente estive em São Paulo e o caos está instalado!
    Sem condições e sem soluções, o que é pior.
    Não sabia que Salvador estava enfrentando problema parecido. São Paulo e Rio de Janeiro, encabeçam a lista de cidades insuportáveis para o trânsito.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Amigo está é um problema geral.
    Moro em São Caetano do Sul, uma cidade pequenina, muito próxima de São Paulo, porém sempre tivemos uma ótima qualidade de vida. Contudo, após algumas reportagens divulgando a cidade como cidade de primeiro mundo, o Brasil resolveu mudar-se para cá.
    Todas as construtoras resolveram concentrar suas gigantescas obras e seus imensos e numerosos condomínios residenciais por aqui. Com isso, a cidade já tem ficado intransitável. Me preocupo cada vez mais, pois quando todos estas novas construções ficarem prontas, o que será desta cidade?
    Como vai comportar este novo número de pessoas e carros? As redes de água e esgoto suportaram o volume? E as escolas, terão vagas para todos?
    E as ruas, pequenas e estreitas, como resistiram a este aumento do fluxo de carros diariamente?
    Estou prevendo um caos muito em breve por aqui. Não conseguiremos sair com o carro nem da garagem.
    Abraço

    ResponderExcluir
  4. Oi Paulo!

    Sobre o congestionamento..existe em todas as cidades..eu sou de SP e moro numa cidade do interior, que não é muito grande...entretanto lá no centro da cidade tem uma rotatória dos infernos que gera um congestionamento bizarro nos horários de pico e ninguém da prefeitura resolve tomar uma posição para solucionar o caso.

    ahshasahs legal,agora quando ouvir ou ver algo sobre fanfics saberá o que é! Quem sabe até um dia vc já não tenha lido uma?
    bjs!!

    http://www.empadinhafrita.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Pelo visto...Isso é um problema no Brasil inteiro.
    Bem, me sinto feliz quando vejo, mesmo que seja uma nóticia não tão agradável da minha terrinha de todos os santos, mas não de todos os devotos. Acredite!
    Pelo visto, Salvador começa a tomar projeções maiore e principalmente política no cenário nacional. Pensar que aqui é mil maravilhas, só carnaval e mordomia o ano todo, é engano, nós ralamos e muito, e pior, sabamos descalços no asfalto quente e esburacado. Todos os dias, quando vou para a universidade, no bairro da Ondina, próximo ao bairro bohemio Rio Vermelho, também morada da sereia e de jorge Amado, está congestionado às traças, eu demoro exatamente uma hora para chegar ao meu campus, na Ondina. É um esforço enorme e haja organização, ou melhor, desorganização barroca, típica da Bahia, e olha que eu moro no centro de Salvador, próximo aos bairros históricos como o Pelourinho (em caos novamente) e Santo Antônio. E, por ser centro, é perto de tudo.Já na volta da universidade mais uma hora de puro aperto no buzão caindo aos pedaços. A única coisa boa da viajem, partindo sa minha casa à UFBA é que vejo o mar da Barra, Ondina e me sinto mais leve, menos preocupado, é um alívio terapeutico a mente e aos olhos. Outra coisa que vale aqui lembrar é o metrô. Eu nem era nascido quando esse metrô estava nos projetos e sendo iniciado. Com o passar dos anos, o percurso do metrô foi sendo cada vez mais diminuido, e hoje, após 24 anos, o metro ainda não foi concluído e não funciona, metrô esse que resolveria o problema de muita gente, mas tendo o seu trajeto diminuido, não mais resolverá. E lá se foram cifrões do bolso so meu povo de todos os santos. A única esperança é a copa, e por sinal, o estágio está indo de vento em polpa.
    Transporte, saúde e educação é um problema aqui.

    Adorei por lembrar Salvador, me sentia tão deslocado...

    BLOG ATUALIZADO.

    escarceu-pre-datado.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Amigo, as cidades grandes estão com o mesmo problema, todas, sem exceção, mas ainda não vi como no Rio e São Paulo, é demais...
    Vai chegar ao ponto de termos um carro e não poder usá-lo.
    Visita-me, pois postei um tema polêmico, e gostaria da tua opinião, já que vc entende de tudo um pouco.
    Abraços da Mery

    ResponderExcluir

Gostou do blog? Volte sempre que desejar. Dúvidas, sugestões, críticas ou qualquer outro assunto, entre em contato: detudoumpoucominhaopinião@yahoo.com.br

Números telefônicos de utilidade pública no Brasil

  • Delegacias Regionais do Trabalho - 158
  • Informações sobre oferta de emprego (Sine) – 157
  • Serviço Municipal – 156
  • Serviço Estadual – 155
  • Detran – 154
  • Guarda Municipal – 153
  • Ibama – 152
  • Procon – 151
  • Vigilância Sanitária – 150
  • Justiça Eleitoral – 148
  • Governo Federal – 138
  • Transporte Público – 118
  • Energia Elétrica – 116
  • Água e Esgoto – 115
  • Serviços ofertados pelas prestadoras dos Serviços de Comunicação Eletrônica de Massa – 106
  • Serviços oferecidos por prestadoras de serviços móveis de interesse coletivo – 105
  • Serviços ofertados por prestadoras de serviço telefônico fixo – 103
  • Defesa Civil – 199
  • Polícia Rodoviária Estadual – 198
  • Polícia Civil – 197
  • Polícia Federal – 194
  • Corpo de Bombeiros – 193
  • Ambulância – 192
  • Polícia Rodoviária Federal – 191
  • Polícia Militar – 190
  • Disque- Denúncia – 181
  • Delegacias especializadas no atendimento à Mulher – 180
  • Serviços de Emergência no âmbito do Mercosul – 128
  • Secretaria dos Direitos Humanos - 100