domingo, 11 de março de 2012

De Pelé e Garrincha até Neymar e Messi




Dois gênios do nosso futebol encantaram o mundo no passado; Pelé, no Santos, e Garrincha, no Botafogo. No presente, Neymar e Messi, dois talentosíssimos jogadores, protagonizam cenas belíssimas para quem gosta de ver o bom futebol. Quando Jogavam por times diferentes, o argentino pelo Barcelona e o brasileiro pelo Santos, já despertavam o interesse de torcedores do mundo inteiro. Imagine agora que os dois jogam pelo mesmo time. É promessa de grandes jogos. Logo no início deste texto, observem, citei os nomes de Pelé e Garrincha, dois grandes gênios da história do futebol brasileiro e mundial de todos os tempos. A pergunta é, assim como Pelé e Garrincha, Neymar e Messi podem ser considerados gênios da bola também? É óbvio que a maioria dos torcedores que hoje assistem Neymar e Messi jogarem não puderam ver os ídolos de Santos e Botafogo jogarem, entretanto, a literatura esportiva e o registro de imagens nos permitem ter todo o conhecimento possível a respeito do que significou Pelé e Garrincha para o futebol. Os dois encantaram o mundo com seus dribles e jogadas desconcertantes. Era a época do chamado futebol arte. Pelé e Garrincha faziam jogadas difíceis de serem realizadas por qualquer simples mortal na terra e impossíveis de serem previstas por seus marcadores. Isso tudo, vale ressaltar, numa época em que não havia a Internet e o seu imediatismo mundial. Além disso, as transmissões esportivas pela TV não eram como hoje. Os jogos transmitidos pela televisão eram poucos. O rádio era o maior propagador do futebol até então. Será que sem o grande acesso as informações que o mundo hoje tem, Neymar e Messi conseguiriam alcançar a fama, o prestígio e o reconhecimento que Pelé e Garrincha conquistaram no passado? É uma bela pergunta, não é? Para mim, Neymar e Messi são verdadeiros craques do futebol atual. Os melhores do mundo. Não há dúvida quanto a isso. Contudo, afirmo que ainda não vi surgir nenhum gênio da bola depois de Pelé e Garrincha. É a minha opinião.

Foto: Veja.com; Montagem, Neymar e Messi- Agif e AFP 
Contato: detudoumpoucominhaopiniao@yahoo.com.br
Comentário(s)
10 Comentário(s)

10 comentários :

  1. Bom dia, Pc! Sem falar que os craques de antigamente não ganhavam uma fortuna para dar show, não é? Um abraço, e bom domingo!

    ResponderExcluir
  2. Olá, Paulo César! Talentosíssimos sim no que fazem e no que fizeram. Cada um em sua época, com os recursos habituais das mesmas, propiciaram e nos propiciam bons momentos no esporte. Afortunados pelos devidos talentos que tenham boa conduta para marcarem com boas ações suas vidas como exemplo para muitos dos nossos jovens, como o foram em outras modalidades, diversos outros esportistas.
    Abraço, Célia.

    ResponderExcluir
  3. Oi Paulo,

    Talvez não apenas falte o brilho desses craques, mas também uma forma específica de jogar, visto que antes futebol era arte e hoje não se inventa, mas se repete técnicas.

    Bom domingo! Beijos..

    ResponderExcluir
  4. paulo, meu caro amigo,
    receio bem que não seja possível comparar jogadores de épocas diversas. cresci a ouvir falar do génio de pelé e eusébio (para muitos, por aqui, os maiores de sempre), mas não os vi jogar. vi maradona, zico e zidane fazerem coisas impossíveis com a bola e o meu pai sempre dizia que os outros dois é que foram...
    é impossível sabê-lo: as condições são, hoje, diversas das de então: os jogadores são máquinas trabalhadas ao limite, as metodologias de treino não se comparam, as táticas são mais ferozes e as defesas ultra-implacáveis, para além dos jogos se sobreporem, hoje, à velocidade da luz. não, não arriscaria dizer quem é melhor do que quem. atrever-me-ia, apenas, a uma pequena provocaçãozinha, se mo permites: dentro do mesmo tempo, considerar messi e... ronaldo. é que se um é arte, o outro é poder; se um é poesia, o outro é eficácia; se um é génio, o outro é talento. neymar? hum... precisa dos campeonatos europeus para ser verdadeiramente sufragado :)

    um abraço!

    ResponderExcluir
  5. Olá PCzão tudo bem amigo?
    Olá aí o Jorge Pimenta que é português falando que o Neymar tem que ir pra europa pra tentar ser um dos melhores do mundo... Essa é a vizão de um Europeu e a gente tem que levar em consideração. Lembra do Robinho quando ele era o melhor do Brasil? Foi pra europa e seu futebol acabou...
    Quanto aos vídeos de Pelé e Garrincha eu acho legal de assistir mas não servem de base, porque alí está condensado uma carreira toda em apenas alguns minutos entendeu? Uma vez o São Paulo recebeu um vídeo de um jogador chamado Sierra, ele era chileno e no vídeo era um novo Pita, ou quase um Zico, aí o São Paulo caiu na armadilha e comprou o Sierra... Te garanto que quando ele foi vendido não deixou saudade nenhuma, pra esse tricolor aqui.

    Lógico que Pele e Garrincha foram gênios, mas as pessoas que os viram jogar também falam com nostalgia no coração e enfeitam demais suas narrações...

    Um abraço meu amigão, fica com Deus e tenha uma ótima semana!

    ResponderExcluir
  6. Boa noite, Paulo Cesar.
    Gosto bastante de futebol e acredito que essas comparações são tão inúteis quanto eternas.
    O fato é que os jogadores por ti citados são ícones perpétuos do futebol e isso é inegável.
    Os tempos mudam e o futebol junto com ele, tanto que hoje em dia, aqui no Brasil, ele está meio paradoxal, pois, ao se mostrar um jogador novo para o mundo, corre-se o risco de perdê-lo para um milionário clube europeu.
    Ou seja, a saída para se manter um jogador excepcional no clube é não deixá-lo jogar.
    Difícil, não?
    Agradeço tuas visitas ao meu blog e te desejo uma ótima semana.
    Abraço, Paulo Cesar.

    ResponderExcluir
  7. Gosto de ver o Neymar jogar, o que sei de Pelé é que foi o maior do mundo o "Rei...* "O Neymar dá show, nos últimos tempos é o melhor, no Brasil!
    Hoje futebol tá tão cheio de manobras... "mercenários que fingem jogar por amor ao Clube, alguns sim, mas o que manda é o dim dim .
    Tchau!

    ResponderExcluir
  8. Achei a opinião do Jorge Pimenta bem detalhada e concordo, em parte com ele, o futebol mudou muito.

    ResponderExcluir
  9. Acredito que não podemos comparar o rei Péle e o gênio Garrincha com qualquer outro jogador no mundo, mesmo sabendo que o craque Neimar e o talentoso Messi que são os atuais protagonistas do futebol mundial. Na época do rei e do gênio existiam vários craques e vários jogadores abilidosos, mas hoje não temos só encontramos dois fazendo a festa nos gramados. Se fossemos falar de craques e abilidosos tianhamos muitos (Zico, Tostão, Clodoaldo, Rivelino, Maradona,Socrates, Paulo César Cajú, etc) são milhares, mas rei e gênio (Péle e Garrincha) acredito que jamais encontraremos, mesmo com toda tecnologia do mundo. Hoje o jogador entra em campo pelo valor e antigamente o jogador entrava em campo por amor a arte do futebol.

    ResponderExcluir
  10. Pq vc coloca neymar e messi vc teria que colocar cristiano ronaldo e messi os dois melhores do mundo hoje.E tbm não tem como compara messi e neymar a garrincha e pelé,são épocas diferentes futebol diferente mas pra mim pelé e garrincha são intocáveis no tronos dos deuses do futebol.E neymar tem que prova muito ainda ele não passa de uma promessa pros europeus.

    ResponderExcluir

Gostou do blog? Volte sempre que desejar. Dúvidas, sugestões, críticas ou qualquer outro assunto, entre em contato: detudoumpoucominhaopinião@yahoo.com.br

Números telefônicos de utilidade pública no Brasil

  • Delegacias Regionais do Trabalho - 158
  • Informações sobre oferta de emprego (Sine) – 157
  • Serviço Municipal – 156
  • Serviço Estadual – 155
  • Detran – 154
  • Guarda Municipal – 153
  • Ibama – 152
  • Procon – 151
  • Vigilância Sanitária – 150
  • Justiça Eleitoral – 148
  • Governo Federal – 138
  • Transporte Público – 118
  • Energia Elétrica – 116
  • Água e Esgoto – 115
  • Serviços ofertados pelas prestadoras dos Serviços de Comunicação Eletrônica de Massa – 106
  • Serviços oferecidos por prestadoras de serviços móveis de interesse coletivo – 105
  • Serviços ofertados por prestadoras de serviço telefônico fixo – 103
  • Defesa Civil – 199
  • Polícia Rodoviária Estadual – 198
  • Polícia Civil – 197
  • Polícia Federal – 194
  • Corpo de Bombeiros – 193
  • Ambulância – 192
  • Polícia Rodoviária Federal – 191
  • Polícia Militar – 190
  • Disque- Denúncia – 181
  • Delegacias especializadas no atendimento à Mulher – 180
  • Serviços de Emergência no âmbito do Mercosul – 128
  • Secretaria dos Direitos Humanos - 100